Arquivo | novembro, 2008

recado para o Fer

10 nov
Não sei se algum dia o Fer vai ler este blog… mas deixar o recado é também uma forma de desabafar, de dizer o que a gente sente… Fer… obrigada pelas tuas palavras. Houveram momentos de sofrimento, mas também houveram milhares de momentos de alegria e felicidade. E são estes que devem permanecer nos nossos corações. Acredito que tudo que acontece nas nossas vidas, acontece por algum motivo. E que todos nós merecemos ser felizes! Embora tu não acredites muito em Deus, eu acredito, assim como acredito que nossos caminhos se cruzam não por mero acaso, mas porque precisávamos viver algo juntos, construir algo, quem sabe cumprir uma missão para a qual estávamos predestinados. A sensação que tive é de que precisávamos terminar algo que, talvez, tenhamos deixado incompleto em alguma existência anterior… E conseguimos! E agora, estamos livres, realmente libertos, para seguir em busca da nossa felicidade! Desejo que tu sejas muito feliz! Que encontres a tua alma gêmea, e siga tua caminhada ao lado dela. Boa sorte, felicidades e liberte-se de qualquer tipo de culpa… A gente só deve se sentir culpado, quando faz algo com o intuito de prejudicar alguém (de propósito). Caso contrário, por que sentir culpa? A culpa só nos faz mal, só nos corrói… Leve esta experiência que passamos como aprendizado, crescimento, amadurecimento! Toda a felicidade do mundo pra ti!!
Anúncios